Ismael Baubeta apresenta suas apostas para a participação da Triumph no #SDR19

0
393
Ismael Baubeta é editor da Revista Motociclismo no Brasil, já passou pela redação das mais importantes publicações de motocicleta do país trabalhando e aprendendo com os melhores jornalistas/especialistas da área. Motociclista há mais de trinta anos, fez da paixão pelas motocicletas sua profissão. Escreve toda semana para o blog do Salão Duas Rodas 2019.





A Triumph está com a operação própria desde 2012 e de lá para cá vem tornando-se cada vez mais importante para a matriz inglesa. O Brasil é o país onde mais se vendem as motos aventureiras da marca, as Tiger 800 e 1200, mas o segmento de motocicletas clássicas que a Triumph inaugurou no país, também vai de vento em popa, os executivos da marca querem bater o recorde de 1.000 unidades destas motos ainda em 2019.

A Triumph é uma das fábricas que leva menos tempo para trazer seus lançamentos para o Brasil, vários são os exemplos de que a marca inglesa é ágil quando o assunto é novidade.
Só este ano já foram lançadas Street Twin, Scrambler 900, Speed Twin, Bobber Black e Scrambler 1200 XC e XE, mas para o Salão ainda podemos ter algumas novidades e minhas apostas para o que a Triumph poderá apresentar no Salão Duas Rodas 2019 são as seguintes:

Rocket lll

Rocket lll
Rocket lll

A motocicleta com o motor de maior capacidade cúbica (2.500 cc) em produção do mundo foi vendida no Brasil até 2009, quando parou de ser trazida. Agora, renovada e com mais pegada ainda, o foguete inglês pode estar sob os holofotes e escondida pela capa de lycra, até que seja anunciada.

Com motor de três cilindros, disposto longitudinalmente entre os eixos, é capaz de arrancadas fulminantes com seus 22,5 kgf.m de torque e 169 cv de potência máximos, números impressionantes, para os cerca de 300 kg do modelo. Apesar de ser uma moto custom, tem design agressivo e faz lembrar as dragbike, as poderosas motos de arrancada.

Speed Master 900

 Speed Master 900
Speed Master 900

Embora exista há um bom tempo na Europa, a Speed Master não convenceu os dirigentes da marca para desembarcar no país, ainda. Mas pode ser mais uma opção para o segmento das custom da Triumph. Com a mecânica das irmãs clássicas de 900 cc e boa parte dos componentes em comum, as pedaleiras avançadas e banco de lugar único pode agradar por aqui também.

Daytona Moto2 Limited Edition

Daytona Moto2 Limited Edition
Daytona Moto2 Limited Edition

Depois de se tornar fornecedora oficial de motores para a categoria Moto2 do campeonato mundial de MotoGP, com o propulsor que equipa as naked Street Triple, era natural esperar que a moto esportiva da marca inglesa voltasse a ser produzida, mesmo que de forma limitada. Foi o que aconteceu, os ingleses fizeram 765 unidades da Daytona para distribuir pelo mundo, e é bem possível que eles tragam algumas unidades para o Brasil e que ela seja apresentada no Salão das Duas Rodas, será?

O #SDR19 vai acontecer de 19 a 24 de novembro, no São Paulo Expo.

Facebook Comments